ensra1“Firmes na Esperança e na Missão”, este é o lema que deu o mote ao primeiro Encontro Nacional das Equipas de Nossa Senhora – ENS, que aconteceu, nos dias 18 e 19 de Janeiro, em São Vicente. O encontro, que reuniu dezenas de casais das ilhas de São Vicente, Sal e Santiago pretendeu sobretudo aproximar e fomentar a amizade entre os membros das Equipas de Nossa Senhora.

“O mais importante é o encontro, é conhecermos, sementarmos as amizades, que fomos traçando ao longo de e-mails, ao longo de telefonemas. Mas, também, este é também um momento para paramos um bocadinho, estarmos longe dos filhos, das panelas, dos telefones, e estarmos só centrados na nossa própria formação, numa autoanalise, numa oração mais profunda”, diz Fatima Almeida

Durante os dois dias vários temas foram retratados onde a fé e a vida foi o foco. A preocupação, de acordo com Fátima Almeida é “como ligar fortemente a fé e a vida para nós vivermos uma dicotomia total. Uma coisa é estar na Igreja, mostrar que se é casada e que se é feliz, por um lado e outra coisa é a vida. Não. Nós aqui vamos procurar como fazer, que metodologia, que pedagogia, sementar as coisas, este ponto da fé e da vida.

O Bispo da Diocese de Mindelo, Dom Ildo Fortes, também conselheiro espiritual das Equipas de Nossa Senhora, foi um dos convidados para apresentar o tema A identidade da família Cristã e a transmissão da Fé.

“A família é a primeira comunidade na sociedade, é uma sociedade natural, que faz sentido enquanto uma comunidade de amor e aberta a vida e ao serviço na sociedade. Abordamos a relação da família com a sociedade, que não há sociedade sem família e que o próprio Estado, o seu papel é estar ao serviço da família e não o contrario. Talvez há uma tendência para as famílias ficarem subjugadas e a ordem das coisas é o contrário. É muito importante que o estado respeita as famílias, promova a educação”, defende Dom Ildo Fortes.

Aliás, Dom Ildo Fortes, é o principal impulsionador das ENS em Cabo Verde, trazendo o Movimento para São Vicente. Do Mindelo, hoje, com cinco Equipas, este movimento de casais foi se alargando pelas ilhas, tendo já sido organizados três Equipas na ilha do Sal e sete na na lha de Santiado. Cada equipa é constituida por sete casais.

As Equipas de Nossa Senhora são um Movimento de espiritualidade conjugal, cujo objetivo é ajudar os casais a viver, plenamente, o Sacramento do Matrimónio.

A história desse Movimento começou em 1938, em França, quando o jovem Sacerdote, Henri Caffarel, recebeu a visita de uma senhora que conversou com ele sobre a sua vida espiritual. Daí em diante nascia as ENS num “caminho junto” que ainda hoje se percorre com o amor como norte.

As equipas de Nossa Senhora estão presentes em cerca de 70 países incluindo Cabo Verde e, conta com mais de 120 mil equipas. Funcionam como uma escola de formação para casais cristãos que estão unidos pelo Matrimónio.

Deixe um comentario

Categories