856121225pfUm dia depois da escolha de um novo Papa, o Site da Diocese procurou saber o que pensam os diocesanos sobre a escolha do novo pastor Universal da Igreja, o Papa Francisco I.

A Igreja estava confiante. Alguns achavam que a Igreja está em crise e este momento é mais uma prova de que a igreja está bem inserida na actualidade. Bento XVI, com toda a humildade, sentiu que devia deixar esta grande missão para quem tivesse condições e força física para a exercer. Oconclave , que durou menos de 24 horas,  decidiu rapidamente a escolha do novo Papa mostrou a estabilidade  Igreja e que o Espírito Santo está atento à necessidade da Igreja e que nós estamos prontos a acolher as virtudes, os benefícios dessa eleição. Temso é que dar graças a Deus pelo novo Papa, o Papa Francisco.

Diria a este novo Papa que com o Papa João Paulo II entendemos melhor a nossa Igreja, Bento XVI mostrou-nos que sem o amor não vamos a lugar nenhum. Então que ele pegue nestas duas grandes figuras da Igreja Católica e juntá-los e tornar a Igreja cada vez  santa, e mais actualizada. 

Irmã Paula:

A escolha do novo papa não foi uma surpresa para mim. Esperávamos que aparecesse alguém com qualidades para governar a nossa Igreja. Como cardeal, eu não o conhecia antes, vi-o pela primeira vez, ontem, na televisão. Acho que é uma pessoa importante para dirigir a nossa Igreja sobretudo, ele que já fez uma experiencia missionaria num país pobre, já conviveu com mais pobre, trabalhou em diversas pastorais. Acho que é uma pessoa capaz de ajudar-nos a levantar a igreja ainda mais. Bento XVI deu-nos um empurrão, então acredito que este novo Papa vai conseguir fazer a Igreja subir ainda mais. A Igreja está a atravessar agora uma situação especial, está a ser muito criticada, por isso precisamos de uma pessoa pensadora, com capacidade para nos ajudar. Ele pareceu-me ser a pessoa que precisamos para a nossa Igreja.

 Bernardino Gonçalves:

“Gostei muito das primeiras palavras que ele proferiu. Ele disse para rezarmos uns pelos outros. Falou também de fraternidade, isso marcou-me. Tive a sorte de ve-lo a dizer as suas primeiras palavras em directo na televisão, ele pareceu-me muito descontraído, muito a vontade na sua comunicação. Também, para mim significou muito o facto de ter escolhido o nome Francisco, o nome nos lembra São Francisco de Assis, um homem que foi defensor da paz, que valoriza os pobre e simplicidade. O meu coração ficou muito contente com a escolha deste Papa. A Igreja está a passar por um momento importante e se este Conclave demorasse mais tempo, talvez podia dar margens para especulação sobre a divisão e falta de consenso dentro da Igreja. O facto de ter sido um conclave curto pode ser um sinal de que há um sentido de unidade isso é um aspecto importante”.

“A minha fé foi muito marcada pelo Papa João Paulo II , sempre que penso no Papa vem a cabeça João Paulo II: aquela pessoa muito comunicadora aberto, que gosta de estar com as pessoas. O mundo hoje, tem necessidade de homens e mulheres para promover o serviço social, falar abertamente das coisas que não estão certas. Precisamos de alguém, de um Papa muito fiel a Cristo, que ama a todos mas, que dá uma atenção especial aos mais pobres, porque no fundo as pessoas mais pobres são mais susceptíveis de serem pisados. Ele está de parabéns por ser um homem que tem defendido pobre, justiça social e desejo que ele continue a fazer esse papel.”  

Filomena Espirito Santo

 

“Recebi a notícia com alegria. Quando ele saiu na varanda, ele pareceu-me ser uma pessoa simples. Primeira vez que eu vi um Papa a rir assim, espontaneamente. Deseja-lhe felicidades na sua missão e que consiga ultrapassar todas as dificuldades que a Igreja está a ultrapassar. Que venha com alegria e que todos o ajudem nesta caminhada”…

José Manuel

“É Novo papa, esperamos que seja um bom pastor para dirigir a nossa igreja. No fundo esperava uma pessoa mais jovem mas, com menos ideia, tendo em conta que este tem quase a mesma idade do Bento XVI quando foi eleito. Mas espero, que ele tenha vigor, pelo menos fisicamente mostrou estar bem e esperamos que ele saiba conduzir a Igreja da melhor forma. É este Papa que Deus nos deu, vamos caminhar junto com ele”.

– Maria Semedo

“Recebia esta notícia com grande alegria, fiquei emocionada. Igreja tem de ter pastor, sem papa é como rebanho sem pastor. Temos para nos conduzir, sobretudo neste mundo de hoje com heresia e seitas espalhadas pelo mundo. Espero que este novo papa, seja um representante de Cristo e que governe o povo de deus como Cristo lhe deu a missão, para nos transmitir com toda a lealdade e sinceridade e espero que deus lhe enche de graças para que possa ter força e coragem para lutar porque ele tem uma grande missão para a frente.

 

Deixe um comentario

Categories