Em Portugal multiplicam-se as iniciativas para assinalar os 50 anos do Concilio Vaticano II.
Desta vez foi na igreja de São Tomás de Aquino em Lisboa onde os paulistas lançaram mais um livro com meia centena de testemunhos de personalidades da igreja e da sociedade que retratam a importância deste grande acontecimento convocado pelo papa João XXIII.
“Vaticano II, 50 anos, 50 olhares” é o título da obra apresentada por D. Joaquim Mendes, bispo auxiliar de Lisboa que considera que Concilio Vaticano II foi uma lufada de ar fresco e de grande abertura da igreja ao mundo…Um concilio inovador, que tem de ser reposicionado, um concilio que lança novos desafios aos leigos na igreja… 

 

Deixe um comentario

Categories