A realização de um encontro entre crentes e não crentes em Assis, Itália, no dia 6 de outubro, vai ser a primeira iniciativa associada ao Ano da Fé, refere o jornal do Vaticano, L’Osservatore Romano, apresentando um “calendário” de atividades, na maioria dos casos sob a presidência do Papa, ao longo dos treze meses que decorrerão entre 11 de outubro próximo e 24 de Novembro de 2013. “Deus, esse desconhecido” é o tema da sessão do “Átrio dos Gentios” na cidade onde nasceu São Francisco, iniciativa que antecipa a abertura oficial do Ano da Fé.

Para além deste encontro de Assis, o “calendário do Ano da Fé” agora publicado refere nomeadamente: – De 7 a 28 de outubro, a assembleia geral do Sínodo dos Bispo sobre “Nova evangelização para a transmissão da fé cristã”. – A 11 de outubro, na praça de São Pedro, Bento XVI preside à solene abertura do Ano da Fé, juntamente com os participantes no Sínodo dos Bispos e os presidentes das Conferências Episcopais de todo o mundo

Logo no dia seguinte, no centro de Roma, na igreja del Gesù, o Conselho Pontifício para a Cultura promove um serão cultural e artístico sobre “A fé de Dante”. Será apresentado o canto XXIV do Paraíso (da “Divina Comédia”) que contém a profissão de fé do grande poeta italiano.

Sempre no âmbito do Ano da Fé, domingo 21 de outubro, Bento XVI preside à canonização de seis mártires e testemunhas da fé: um missionário jesuíta mártir em Madagáscar; um catequista leigo, martirizado nas Filipinas; um padre testemunha da fé na educação dos jovens; uma religiosa que testemunhou a fé na leprosaria da ilha de Molokai; uma outra religiosa, espanhola; uma leiga indiana convertida à fé católica; uma leiga da Baviera, testemunha do amor de Cristo no leito de sofrimento.

De 20 de dezembro até maio seguinte, estará patente, no Castelo Santo Ângelo, perto do Vaticano, uma Mostra sobre o Ano da Fé. Em 2013, a 25-26 de Fevereiro, decorrerá em Roma um congresso internacional sobre o tema “São Cirilo e São Metódio entre os povos eslavos: a 1150 anos do início da missão”.

A 18 de maio, a vigília de Pentecostes será presidida pelo Papa, com a participação dos Movimentos eclesiais, convidados a virem a Roma em peregrinação, invocando o Espírito sobre toda a Igreja e toda a humanidade.

A 2 de Junho, Corpo de Deus, solene adoração eucarística presidida pelo Papa, em Roma. Em todo o mundo, nesse mesmo dia, as dioceses, paróquias e outras comunidades são convidadas a promover idêntica adoração solene.

A 22 de Junho, na praça de São Pedro, um grande concerto para celebrar o Ano da Fé. Recorda-se também a Jornada Mundial da Juventude, de 23 a 28 de julho, no Rio de Janeiro, com a participação do Santo Padre.

 A 29 de setembro, a jornada dos catequistas, com a presença de Bento XVI, nos 20 anos da publicação do Catecismo da Igreja Católica. A 13 de outubro, o Papa preside a uma celebração em honra de Nossa Senhora, com a participação das associações marianas. A 24 de Novembro, a celebração conclusiva do Ano da Fé.

Deixe um comentario

Categories