P. Adérito

Pe. Adérito Rodrigues, Secretariado Diocesano da Juventude

A nossa participação na Jornada Mundial da Juventude em Madrid é suficiente para fazermos um balanço muito positivo do ano de 2011. Este encontro com o Papa fica para toda a vida.

Para o ano de 2012 temos em agenda dois grandes momentos: o dia diocesano da Juventude a 1 de Abril e a promoção de uma formação intensiva durante todo o mês de Agosto para os jovens de toda a diocese.

 

Lourenço Andrade, Coordenador do Secretariado Paroquial da Juventude – Paróquia de Nossa Senhora da Graça

O ano que vai terminar foi muito positivo em todos os aspectos. Enquanto secretariado fizemos aquilo que podemos dentro dos nossos limites para dinamizar a juventude e temos tido respostas dos jovens que participam nas nossas actividades. Isso é muito bom, porque sempre levam uma mensagem, algo de positivo para casa e pouco a pouco nos construímos uma sociedade melhor. A participação na Jornada Mundial da Juventude é outros aspecto marcante do ano 2011. Nós trabalhamos juntamente com o nosso pároco e nosso vigário paroquial que sempre nos apoiam e nos dão toda a força e graças a eles hoje o secretariado está a funcionar e bem.

Temos muitas perspectivas para 2012. Este ano não vai haverá JMJ então, vamos realizar, em conjunto com o Secretariado Diocesano da Juventude a nossa Jornada Diocesana da Juventude, com o lema é “Alegrai vos sempre no Senhor”. Além da jornada, temos um mais actividades e contamos com a presença de todos os jovens.

 

Irmã Domingas Trindade, Congregação Missionárias Reparadoras do Sagrado Coração de Jesus e Coordenadora do Secretariado da Pastoral Social

2011 foi um ano trouxe alguns desafios ao Secretariado da Pastoral Social, sobretudo, no pensar e projectar a continuidade do trabalho dos anos vindouros, foi um ano que trouxe alguns desafios interessantes, no sentido de conseguirmos materializar o nosso grande sonho, por exemplo de ter o laboratório informático que conseguimos pôr de pé. Conseguimos realizar alguma formação: 45 mulheres chefes de família fizeram formação connosco, fizemos formações em parceria com o EFP e outras instituições. Foi um ano desafiador e ao mesmo tempo interpelante que deixa essa vontade de continuar o trabalho. Houve momentos mais sensíveis, essa crise mundial mexeu com tudo, porque alguns projectos que já deveriam ter sido implementados neste momento, estão em stand by. Passamos esses últimos nesta expectativa.

Esperamos que 2012 seja um ano próspero. A nossa perspectiva é ter o curso profissional na área de informática e assistência técnica a funcionar como está projectado, Esperamos também fazer um trabalho de intervenção comunitária a funcionar de forma ideal, ter estagiários e voluntários.

 

Irmã Paula Furtado, Coordenadora do Secretariado Diocesana de catequese – Diocese de Santiago

2011 correu bem. Iniciamos em Outubro o ano catequético com festa da primeira comunhão. Todas as zonas onde fomos corresponderam bem. Um dos desafios que temos é o trabalho com os pais e encarregados de educação das crianças no sentido de compreenderem a doutrina da Igreja, a educação religiosa e também de formam a acompanharem os filhos na catequese. Os catequistas corresponderam às propostas que lhe fizemos. Iniciamos a formação de catequistas em algumas zonas, mas ainda não chegamos a todas as comunidades. Tivemos alguns constrangimentos com o transporte, o que nos dificultou no acompanhamento da catequese sobretudo nas localidades mais afastadas.

2012 nossa perspectiva é preparar as actividades com as crianças de catequese. Temos programado formação com catequistas e festas de catequese ao longo do ano.

Vamos promover contacto entre pais e catequistas aproximar-nos mais dos pais. Temos falta de catequistas e o nosso objectivo é sensibilizar os jovens recém-crismados para apoiarem os catequistas. Em algumas comunidades já temos alguns jovens que já se disponibilizaram para fazer a formação e ajudar na catequese

 

Anilton Semedo – Grupo Coral de Pensamento

2011 foi um ano bom, conseguimos atingir o nosso objectivo que era levar sensibilizar a comunidade de pensamento, sobretudo os jovens a frequentar e a participar na igreja.

Esperamos que 2012seja um ano melhor, esperamos acolher mais jovens nas actividades da Igreja, esperamos ter uma comunidade mais participativa a nível religioso. Temos boas perspectivas, esperanças, sobretudo em relação às crianças de catequese.

Deixe um comentario

Categories