“Paróquia, um bom cau di stâ”

Jovens Animados

Jovens Animados

– Presentes os estudantes das Escolas que ficam na área da paróquia de Nossa Senhora do Socorro

Acolhimento, celebrações vivas e mais actividades são algumas das linhas de força traçadas pelos jovens no fim do encontro do dia 13 de Janeiro promovido pelo secretariado da Juventude sob o lema: PARÓQUIA UM “BOM CAU DI ST”. Antes da hora marcada os jovens já estavam criando animação nos arredores da Capela de São Paulo, no Palmarejo, onde decorreu o encontro.

Cânticos, jogos e ensaios prepararam o ambiente para a apresentação do lema que também foi o tema do debate.

ESTUDANTES EM FOCO

A paróquia de Nossa Senhora do Socorro, tendo no seu território cinco escolas secundárias, um Instituto pedagógico e três pólos universitários, é a zona de concentração de estudantes. Daí o primeiro desafio de ver se ela tem consciência de que ela deve ser acolhedora dos jovens. O segundo tem a ver com o facto de um número cada vez maior de pessoas e grupos de diversos lugares se instalarem na periferia e aumentarem os conflitos. Os jovens quiseram ver o que tem feito ou pode ainda fazer a paróquia para reverter a situação e como a Igreja tem exercido a sua vocação de ensinar as pessoas a formarem uma comunidade de irmãos.

GRUPOS DE TRABALHO

Um momento de trabalho nos grupos

Os 81 jovens foram divididos em 5 grupos de trabalho, sendo que cada grupo constituído por membros que mostram a diversidade dos jovens: uns que frequentam os Estabelecimentos de ensino na paróquia, outros trabalham outros estão sem emprego. Sua missão comum: descobrir o que impede a Paróquia de ser “un bom cau di stâ” e também mostrar as coisas que fazem a Paróquia ser acolhedora, mestra e orientadora da juventude.

PISTAS DE ACÇÃO

Os jovens disseram que “A Paróquia é realmente ‘um bom cau di stâ” para aqueles que se sentem integrados e que já descobriram o valor da comunidade. Mas também reconhecem que a Paróquia é, por vezes, pouco acolhedora para aqueles que não têm o hábito de a frequentar, e sentem-se “objecto de admiração”. Pedem acolhimento em vez de julgamento; que a comunidade seja um local de encontro com irmãos e com Deus; que as celebrações sejam dinâmicas, belas e cheias de conteúdos que tocam a alma e o coração e que provocam experiência de Deus, sugeriram celebra­ções destinadas a jovens, para “acordar aqueles que já perderam o hábito de se dirigirem à Paróquia” e se propõem ir e dialogar com os “que se encontram mais distantes”.

Este encontro foi mais uma etapa de preparação para a Grande Assembleia paroquial de Jovens

Se desejar ver mais fotos, saber das sugestões, o que dizem da Jornada mundial (Madrid 2011) e o programa de actividades Paróquia, leia o relatório que os jovens nos enviaram (Ver download).

One Response to “Jovens comprometem-se a fazer da Paróquia…”

  • Tyenne:

    oi boa tarde, desde já convido-vos tb aparticipar na grande assembleia de jovens dia 31 de janeiro, visto que no dia 13 de janeiro foi um sucesso, em que saimos com muitos ideias de como fazer da nossa paroquia principalmente um bom cau sta;
    e com a ajuda de Nosso Senhor Jesus Cristo faremos de tudo para fazer de todo o lugar por onde passamos um bom cau sta, e nao só da nossa paróquia.
    seja lovado Nosso Senhor Jesus Cristo.
    bjs até em breve.

Deixe um comentario

Categories